Portfolio > Teologia Natural

Teologia Natural é um projeto de artístico que investiga um acontecimento histórico invizibilizado pelos discursos oficiais: A exploração do látex na Floresta Amazônica durante o final do século XIX e durante a Segunda Guerra Mundial e as estratégias orquestradas pelo poder do Estado e pela indústria internacional para conseguir a mão de obra necessária para obtenção do látex em grande quantidade. A cultura da Hévea Brasiliensis fez a fortuna de grandes sociedades e marcou um dos períodos mais dramáticos do colonialismo europeu. Os capitalistas da borracha, com fins lucrativos, utilizaram estratégias desumanas que incluíam o trabalho escravo, o trabalho infantil, bem como a tortura, o assassinato e o abuso de mulheres. Uma realidade que continua a existir hoje com a exploração do látex nos países asiáticos.

É no quadro da expansão e consolidação do capital monopolista financeiro e de sua política imperialista, que se inscreve essa história. É a esse capital monopolista que a economia da Borracha no Brasil e no mundo servirá e ele será o grande artífice desse processo e o único beneficiado.

A obra Teologia Natural é composta por vídeos, desenhos e instalações. O projeto desdobra-se em uma cartografia das diversas vozes que revelam o acontecimento: Fatos histórico dispersos, atravessamentos biográficos, cacos de histórias de vida. Revela-se o que não foi claramente dito, o que de tão real virou ficção. Ao relembrar essa história, ao torná-la visível, remembra-se um corpo de um acontecimento social e político. A artista faz uma denúncia e propõe outros modos possíveis de utilizar a matéria e, quem sabe, transmutar a memória de um trauma coletivo.